<div style='background-color: none transparent;'><a href='http://www.rsspump.com/?web_widget/rss_ticker/news_widget' title='News Widget'>News Widget</a></div>

Suspiros Pretéritos

"Pouco Tempo

Tanto tempo desse amor insensato.
Porque se não é insensato não é amor.
Tanto tempo desse amálgama de corpos.
Perdi a noção do meu começo e seu fim.
Tanto tempo amando-te sem pensar.
Porque o pensamento não se coaduna.
Tanto tempo sendo tão feliz assim.
Porque sem você eu deixo de ser.
"


"Soneto de Sonhos

Há dor nas palavras de adeus.
Ardor nas palavras de adeus.
Amor há nas tuas palavras.
Há cor nos sabores só teus.

Cores e sabores das palavras.
Ardores que há nas palavras.
Amores meus há sem cores.
Sabores que o tempo comeu.

Sou somente o que penso.
Sou só e sou só um amor.
Sou só medo, sou sofisma.

Há dores onde peço perdão
Há mares onde peco paixão
Amores só eu sou solidão
"

Marcadores:

Deixe um comentário


Comentem as matérias, façam sugestões, elogios ou mesmo reclamações, troquem idéias, este é o lugar para opinar!

Os comentários não serão respondidos por email, só aqui mesmo; se quiser saber se alguém respondeu ao seu comentário, inscreva-se por email no Feed de comentários do artigo, ou então: VOLTE SEMPRE!