<div style='background-color: none transparent;'><a href='http://www.rsspump.com/?web_widget/rss_ticker/news_widget' title='News Widget'>News Widget</a></div>

Lua Enamorada (de Dani e Manu) - Hoje, temos a honra de oferecer um jantar, aqui em casa, em homenagem ao noivado do meu cunhado Daniel com minha amiga e colega Manoela. E a lua hoje, tão bela, parece refletir a alegria contagiante deles, homenageando o casal igualmente belo numa noite romanceada pelo seus raios prateados e um fundo musical escolhido a dedo. Eu, romântico inveterado que sou, rendo-lhes minhas homenagens, agradecido por partilhar-lhes tão cara amizade e participar deste momento ímpar em suas vidas, transcrevendo novamente o poema que já publiquei anteriormente aqui no Anomia. Ressalto que em tempos de cólera e tanta intolerância e ódio neste planetinha, só mesmo Amor. E o digo assim mesmo explicitamente, num intermezzo de muita felicidade e algo de tristeza e incorrendo no risco de ser tratado à pecha de piegas, mas o faço de coração:

Convite ao nosso encontro de hoje:

Primeiro, ela não se revelou por inteiro, pudicamente foi chegando remansosa.
Em pequenos espasmos de luz, fui sentindo o seu gosto, sua beleza.
Fui corrompido em minha retidão pelo seu charme sem par.
Mansidão que me envolveu num átimo. Companheira, até os confins.
E me chegou toda, desposei-me com ela em minha elucubrações.
Ela me confessa que irá mostrar-se hoje, novamente.
E eu vos convido a desfrutar desse espetáculo, que por poucos segundos é só nosso.
E nada mais "reality" nesse show tão global, que é o seu despertar desnuda.
Nascer que há de ser compartilhado pelos libertos.
Mesmo que distantes, estamos todos em sua sintonia.
Usurpa, do sol, raios que espelha em nossas mentes inférteis.
Lua eu te aguardo hoje em tua gênese.
Convido a todos. Sejamos espectadores passageiros por um minuto!
Quando passarmos, ela há de nos observar. Mas hoje, é só nossa.
Lua cheia, luar que ela me prometeu.
Paremos nossas máquinas, observemos o cosmos.
Divido com todos esse nascer de hoje. Festejêmo-la!

E la nave va...

Marcadores:

Deixe um comentário


Comentem as matérias, façam sugestões, elogios ou mesmo reclamações, troquem idéias, este é o lugar para opinar!

Os comentários não serão respondidos por email, só aqui mesmo; se quiser saber se alguém respondeu ao seu comentário, inscreva-se por email no Feed de comentários do artigo, ou então: VOLTE SEMPRE!